Posts com Tag ‘devocional’



“A oração não é algo para ser feito de uma forma fria e repetitiva. A oração é algo espontâneo, que deve brotar do seu coração para o coração de Deus. Não são vãs repetições, é a expressão do nosso coração.”

Aproveite para meditar em Mateus 6.7 “E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios; porque pensam que pelo seu muito falar serão ouvidos.”

Responda:
1. Suas orações tem sido apenas repetição daquilo que você já ouviu alguém falar?
2. Quando você ora, seu coração ora com você?
3. Existe sinceridade no que você está orando, ou você só está falando o que acha que é certo?

Deus está mais interessado em ouvir você do que ouvir palavras vazias. A oração não é apenas um momento religioso, é um momento de relacionamento, comunicação e intimidade. Se Deus quisesse que a nossa oração fossem repetições Ele teria deixado para o homem um livro cheio de palavras prontas para serem ditas em momentos específicos e não um livro que incentiva o homem a se aproximar e se expressar diante de Deus.
Deixe o seu coração se abrir diante de Deus e derrame tudo o que está dentro de você em palavras diante daquele que quer te ouvir e está pronto a te atender.

“A oração é uma responsabilidade pessoal. Você não deve depender a vida inteira da oração dos outros, o famoso crente ‘cês ora por mim’. Você deve crescer! Deus quer que você cresça na sua vida de oração.”

Aproveite para meditar em João 14.26,27 “Naquele dia, pedireis em meu nome; e não vos digo que rogarei ao Pai por vós. Porque o próprio Pai vos ama, visto que me tendes amado e tendes crido que eu vim da parte de Deus.”

Responda:
1. Quantas respostas você já recebeu através de suas orações?
2. Você costumar acreditar que Deus ouviu só depois que alguém ora por você?
3. Quando uma situação aparece na sua vida você busca a Deus ou a alguém que busque a Deus por você?

Jesus nos encoraja a ter um relacionamento direto com Deus. A base do que Jesus está trazendo aos seus discípulo é o amor de Deus, como nosso Pai, por nós. Deus te ama do mesmo tanto que Ele ama a Jesus.
Como o povo de Israel, durante a caminhada pelo deserto, preferimos ter um Moisés que rogue a Deus por nós e ouça as respostas de Deus e nos fale depois. Mas se o próprio Jesus que é o nosso Mediador e Intercessor está nos dizendo para falar direto com o Pai, não vamos perder a oportunidade de ter este nível de intimidade com o Criador dos céus e da terra, nosso Papai.
Esse relacionamento só é possível porque vamos a Ele no nome do primogênito, JESUS!

Enquanto eu depender de outros para se relacionar com Deus por mim, eu nunca irei alcançar aquilo que Deus planejou somente pra mim.